Deficientes visuais participam de maratona sobre profissões

Fundação Dorina Nowill para Cegos organizou atividades para auxiliar na inserção de cegos e pessoas de baixa visão no mercado de trabalho

Compartilhe
, / 578 0

Uma maratona de atividades gratuitas voltadas para deficientes visuais aconteceu de 22 a 25 de outubro, em São Paulo.

Foi a Semana das Profissões, organizada pela Fundação Dorina Nowill para Cegos. O objetivo foi orientar sobre o mercado de trabalho e crescimento profissional.

deficientes visuais e mercado de trabalho

Semana das profissões aconteceu em São Paulo (foto: divulgação)

“No Brasil, mais de 6,5 milhões de pessoas tem algum tipo de deficiência visual. É de extrema importância que tenhamos eventos voltados a oportunidades, com o objetivo de esclarecer as dúvidas, orientar e incluir essas pessoas no mundo do trabalho”, defende Kely Magalhães, coordenadora da área de Serviços de Apoio à Inclusão da Fundação Dorina Nowill para Cegos.

Inclusão de deficientes visuais

Entre a programação, alunos dos cursos de atendimento ao cliente, informática e massoterapia visitaram uma empresa de consultoria tecnológica.

Teve ainda palestra com Elizabeth Sequeira, da área de Projetos em Recursos Humanos do Grupo Leforte, que falou sobre a postura esperada para o mundo do trabalho.

O último dia da maratona foi encerrada com apresentações de dois deficientes visuais que atuam no mercado.

Danilo Namo, mestre em Psicologia e doutor em Educação Especial, que atua como consultor em inclusão econômica e educacional de pessoas com deficiência e Sara Bentes, cantora, compositora, escritora e atriz, falaram sobre a história de vida deles, perspectivas e carreiras.

Leia também:

Projeto Philos – amigo da biblioteca distribui mais de 400 licenças de uso do software para gestão de bibliotecas escolares

 

Comentários

comentários

PASSWORD RESET

LOG IN