Série indígena Guerreiros da floresta apresenta a luta de lideranças Yanomami, Huni Kuin e Suruí

O universo e a luta de lideranças indígenas estão sendo transmitidos pelo canal Futura. Episódios também podem ser vistos na internet

Compartilhe
, / 0

Os costumes e as lutas de três lideranças indígenas, Davi Kopenawa, Almir Suruí e Ninawa Inu Huni Kuin, são destaques da série que estreou em fevereiro no canal Futura, Guerreiros da floresta.

Composta por 26 episódios e com duração de cerca de 26 minutos, o objetivo é ampliar o protagonismo indígena — uma vez que o poder de fala é deles — nas escolas e outros setores da sociedade, por meio de conteúdos complementares, como artigos, documentos e filmes. Além disso, em breve haverá elaboração de guias de uso pedagógico para orientar o trabalho em sala de aula a partir dos episódios.

Davi Kopenawa é uma liderança Yanomami, etnia localizada na Amazônia e Roraima. Já o povo de Almir Suruí vive na região de Rondônia e Mato Grosso e os Huni Kuin, à qual Ninawa pertence, é a maior população indígena do Acre. Os três são reconhecidos internacionalmente pela ONU.

Exibição: todas as quartas-feiras, às 22h30. O 13º e último episódio será divulgado em 15/05/2019, às 22h30. A série também está disponível na plataforma de streaming Futura Play.

série indígena

Povo indígena Yanomami (foto: Santa Rita Filmes)

Leia também:

Livro recém-lançado abre espaço para indígenas relatarem suas lutas

Estudo aponta as mudanças que a inteligência artificial causará na educação nos próximos dez anos

Comentários

comentários

PASSWORD RESET

LOG IN