Raquel Lazzari Leite Barbosa

professora da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho

Compartilhe
, / 839 0




Qual o diagnóstico que você faz da educação básica no Brasil? Quais os principais problemas, avanços e retrocessos que a educação vive?




Quando se faz uma retrospectiva, uma discussão que pode ser salientada diz respeito às políticas educacionais. Nessa área pode-se dizer que aconteceram avanços setoriais, tanto no que se refere ao aperfeiçoamento na formação de professores quanto na melhor qualificação de responsáveis pelas instâncias deliberativas. Projetos vêm sendo implantados e novas propostas se encadeiam a esses projetos, sugerindo mudanças que impõem nova dinâmica no trato de questões educacionais. Contudo tais avanços não deram ainda conta de uma série de grandes problemas. Há ainda um descompasso imenso.




Um deles diz respeito à questão das licenciaturas. Essa questão precisa ser vista como um campo de conhecimento do educador. Ela não vem sendo valorizada como tal e isso concorre para que, muitas vezes, não seja valorizada nem pelos próprios professores. É importante ativar a discussão sobre como ensinar. As disciplinas de didática, metodologias, prática do ensino devem assumir um papel de relevância nos currículos de cursos de formação de professores. Hoje com a rapidez e facilidade de acesso à informação avulta a necessidade de o professor estar preparado não apenas para a transmissão de conhecimento, mas para mediar o contato, estimular o aluno a aprender onde buscar a informação, o que fazer com ela, colocando-a sob questionamento.
     





É fundamental um reconhecimento de pontos de partida e de pontos a serem atingidos em dados espaços e em dado tempo.



 





Em sua opinião, qual é o principal desafio para alavancar o desenvolvimento e a qualidade da educação em nosso país?





Além das questões metodológicas acima referidas podem ser ainda salientadas muitas outras como, por exemplo, o debate necessário sobre cursos de pedagogia. Qual a instância que deve ser a responsável pela formação de professores das séries iniciais, da educação infantil, educação especial, gestão educacional e dos demais campos de atuação da pedagogia. Contudo, o desafio constante e fundamental é sempre a questão dos investimentos na área educacional. Educação deve ser a prioridade.





 






De acordo com a maneira como a educação básica é pensada pelo Ministério da Educação atualmente, como você acredita que esteja a educação brasileira dentro de dez anos?





É muito difícil fazer uma previsão, mas é importante que haja uma continuidade de políticas educacionais. Questões essenciais para se chegar a um resultado compensador no futuro é a continuidade e o aperfeiçoamento de políticas educacionais como as referentes ao
Plano Nacional de Bibliotecas da Escola

,
Plano Nacional do Livro Didático

, reforma universitária que atenda às verdadeiras necessidades do ensino, da pesquisa e de extensão universitária, além de uma avaliação permanente de cursos e de todas as atividades ligadas à gestão do país.
  





 


Comentários

comentários

PASSWORD RESET

LOG IN