Premiação reconhece projetos de professores de licenciatura

Docentes de diferentes regiões do país tiveram trabalhos reconhecidos por inovação e criatividade; veja lista de premiados

Compartilhe
, / 301 0
Premiação reconhece projetos de professores de licenciatura

Crédito: Fundação Carlos Chagas

O prêmio Professor Rubens Murillo Marques, criado pela Fundação Carlos Chagas (FCC), acaba de anunciar os docentes e projetos vencedores. De 115 trabalhos inscritos, dois receberam o prêmio de R$ 20 mil, um troféu e a publicação na coleção de textos da FCC. Outros projetos também receberam menção honrosa.

Os trabalhos correspondem a experiências realizadas e concluídas em 2016 ou até junho de 2017. O evento de premiação dos professores acontecerá na sede da Fundação Carlos Chagas, no dia 17 de novembro.

Veja abaixo os dois premiados:

Autor: Marcos Garcia Neira
Curso/instituição: Educação Física – Universidade de São Paulo (USP)
Projeto: “Análise e produção de relatos de experiência da educação física cultural”
Resumo: A experiência foi realizada na disciplina “Metodologia do Ensino” oferecida pela Faculdade de Educação da USP para o curso de Licenciatura em Educação Física. Procurando valorizar o conhecimento produzido pelos professores e professoras que atuam na Educação Básica, seus relatos de experiência orais, escritos e audiovisuais transformaram-se em objetos de estudo. Os licenciandos e licenciandas também produziram relatos de experiência a partir das intervenções realizadas durante o estágio obrigatório curricular.

Autor: Cristiane Fuzer
Curso/instituição: Letras – Universidade Federal de Santa Maria (UFSM-RS)
Projeto: “Leitura e avaliação de textos: etapas para formação inicial de professores de produção textual”
Resumo: O projeto “Leitura e avaliação de textos: etapas para a formação inicial de professores de produção textual” é desenvolvido desde 2010 em forma de uma disciplina complementar de graduação criada pela Profa. Cristiane Fuzer para os cursos de licenciatura em Letras na UFSM. O trabalho consiste em subsídios e estratégias para formação inicial de professores de produção textual, envolvendo atividades que aliam teoria e prática por meio de experiências de interação real via textos com alunos da educação básica.

Menções honrosas:

– Professora Sônia Bessa da Costa Nicacio Silva, do curso de Pedagogia, da Universidade Estadual de Goiás (GO), com o projeto, “Opção metodológica para a formação inicial: relato de experiência de uma construção coletiva no curso de Pedagogia”;

– Professora Luciana de Lima, da Universidade Federal do Ceará (CE), com o tema “Tecnodocência: integração entre tecnologias digitais e docência na Formação de Licenciandos”, desenvolvido na disciplina de Tecnodocência, ofertada aos alunos de várias licenciaturas;

– Professora Paloma Rodrigues Rua, do curso de Ciências, da Universidade Federal de Itajubá (MG), recebe menção honrosa por sua inovação e criatividade, com o tema “Práticas inclusivas no ensino de Ciências”.

*Inicialmente, a premiação ocorreria no dia 18 de novembro, mas a data foi antecipada em um dia. Texto alterado no dia 8 de novembro, às 12h02.

Comentários

comentários

PASSWORD RESET

LOG IN