Laptop de US$ 100 poderá ser distribuído para alunos da rede pública

Instituto norte-americano prevê a venda de 15 milhões de aparelhos para o Brasil

Compartilhe
, / 964 0



O Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) desenvolveu um
laptop

(computador portátil) que custa US$ 100 e poderá ser distribuído aos alunos das escolas públicas brasileiras. Nicholas Negroponte, co-fundador do Media Lab no MIT e do grupo sem fins lucrativos que desenvolve o projeto, lançou a proposta do
laptop

no Fórum Econômico Mundial, realizado em Davos, Suíça, em janeiro passado. Ele discute atualmente o projeto com cinco países: Brasil, China, Tailândia, Egito e África do Sul.




 




O computador pode ser ligado à corrente elétrica, com baterias e também com uma espécie de manivela, para uso em regiões mais remotas. O sistema operacional utilizado será o Linux, gratuito, e não o Windows, da Microsoft, que, além de ser caro, ocupa muito espaço e não é confiável.




 




O plano inicial de Negroponte prevê que os governos comprem os computadores e os distribuam gratuitamente entre os estudantes da rede pública. A expectativa do criador do produto é que sejam fabricados entre 5 milhões e 15 milhões de aparelhos em 2006 e que, em breve, este número cresça para 100 e 150 milhões de unidades, ultrapassando a produção de
notebooks

convencionais.




 




 





(Fonte: estadao.com.br)


Comentários

comentários

PASSWORD RESET

LOG IN