Instituição francesa se destaca ao conseguir combater o desemprego e o abandono escolar

Escola de Produção Boisard oferece formação nas áreas industrial, automobilística e de construção

Compartilhe
, / 573 0
Na Escola de Produção Boisard, os alunos executam projetos reais encomendados por empresas ou clientes particulares

Na Escola de Produção Boisard, os alunos executam projetos reais encomendados por empresas ou clientes particulares

Na França, uma instituição de nível superior está se destacando por conseguir combater o desemprego e o abandono escolar. Localizada na periferia de Lyon, em Vaulx-en-Velin, a Escola de Produção Boisard oferece formação nas áreas industrial, automobilística e de construção. Seu modelo inovador de ensino se baseia na realização de projetos reais, encomendados por clientes particulares ou empresas. Outro diferencial é que os estudantes participam de todo o processo, da encomenda à entrega do produto.

  • Essa realidade, contudo, não significa que os alunos realizam apenas exercícios práticos ou que o ensino seja exclusivamente utilitarista. A formação teórica também é valorizada, bem como o apreço pela leitura e o aprendizado de línguas estrangeiras, assegurou Philippe Piaton, um dos coordenadores de curso, ao jornal Le Monde.
  • Ao operar equipamentos caros para produzir objetos úteis, desejados pelo mercado, os estudantes se sentem valorizados. Como resultado, entre 90% e 95% deles concluem a formação. Além disso, pelo menos metade ingressa diretamente no mercado de trabalho, enquanto a outra metade prossegue com os estudos.
  • Esses resultados são especialmente importantes quando considerados os históricos dos alunos admitidos. São jovens com trajetórias escolares turbulentas, que apresentam dificuldades para se adaptar ao sistema tradicional de ensino, mas que na Escola Boisard conseguem se encaixar.
  • Além da estreita relação com o mercado, a escola tem uma maneira especial de conduzir as relações entre os alunos e entre estes e os professores. Com uma origem fortemente ligada ao catolicismo social, a instituição estimula a aproximação entre os membros escolares, o que faz com que prevaleça no campus um clima de camaradagem.
  • Seu modelo é tão bem-sucedido que 18 outras instituições do gênero foram criadas à sua imagem. Espalhadas por toda a França, elas estão agrupadas na Federação Nacional das Escolas de Produção. Ao longo de 2017, oito novas escolas deverão ser inauguradas nos mesmos moldes.

Comentários

comentários

PASSWORD RESET

LOG IN