Escolas jesuítas reúnem 500 alunos e professores para discutir arte

Durante quatro dias serão realizados debates, oficinas, saraus, workshops e visitas

Compartilhe
, / 1020 0


Sete escolas jesuítas reúnem seus alunos e professores, de 24 a 27 de agosto, para realizar a
3ª Bienal de Artes

, com o tema
Brasil, terra Brasilis: do Primitivo ao Contemporâneo

. Neste período, cerca de 500 pessoas, entre educadores, estudantes e monitores, participam de
workshops

, oficinas de produção, debates, saraus e apresentações, além de visitas ao Parque da Independência e à Pinacoteca do Estado e tour monitorado na cidade. O objetivo é colocar os jovens em contato com todas as expressões de arte durante o dia todo, para estabelecer uma visão crítica e desenvolver trabalhos paralelos à disciplina de educação artística.



Neste ano, o Colégio São Francisco de Xavier sedia o encontro, e será transformado em um alojamento onde os alunos irão dormir e se alimentar. As escolas participantes são o Colégio São Luís (São Paulo/SP), Colégio São Francisco de Xavier (São Paulo/SP), Colégio Santo Inácio (Rio de Janeiro/RJ), Colégio Loyola (Belo Horizonte/MG), Colégio Jesuítas (Juiz de Fora/MG), Escola Técnica de Eletrônica – ETE (Sta. Rita do Sapucaí/MG) e Colégio Anchieta (Nova Friburgo/RJ).



(Fonte: Lide Soluções Integradas em Comunicação)



Comentários

comentários

PASSWORD RESET

LOG IN