Dilma sanciona Pronatec

Para a presidente, programa é uma oportunidade de garantir qualificação profissional

Compartilhe
, / 878 0

Promessa de campanha da presidente Dilma Roussef, a lei que cria o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) foi sancionada hoje (26) com o objetivo de financiar cursos profissionalizantes para pessoas de baixa renda. Poderão participar do programa  trabalhadores interessados em qualificação profissional e desempregados em geral. O Pronatec inclui a oferta de bolsas de estudo para alunos de escolas públicas em instituições privadas.


Segundo Dilma, o investimento será da ordem de R$ 24 bilhões até 2014. A expectativa do governo é que sejam criados 8 milhões de vagas em cursos de formação técnica e que o programa seja uma resposta à crise no ensino secundário. Para isso, estão sendo construídas 208 unidades de institutos federais de ensino profissional – a previsão é que 35 delas sejam entregues ainda este ano.

Comentários

comentários

PASSWORD RESET

LOG IN