Carreiras mapeadas

Instituição promove encontros com egressos para acompanhar suas trajetórias, prestar consultoria e coletar dados estratégicos

Compartilhe
, / 236 0

BOAS PRÁTICAS | Edição 208

Instituição promove encontros com egressos para acompanhar suas trajetórias, prestar consultoria e coletar dados estratégicos

por Juliana Duarte

Divulgação

Evento permite reencontro de ex-alunos e contato com palestrantes como o escritor Eugenio Mussak

Eles já conquistaram o diploma, mas a preocupação em vê-los trilhar um caminho promissor continua. Foi exatamente por isso que a Fundação Salvador Arena criou o Encontro de Egressos. O projeto, como o nome indica, tem como proposta reunir egressos do curso da Faculdade de Tecnologia Termomecânica a fim de acompanhar suas trajetórias profissionais e levantar dados que possam ser úteis para o aprimoramento do curso. “Já estamos na quarta edição e tivemos um retorno bem positivo até agora. Trata-se de um ambiente rico para a troca de experiências e expansão do conhecimento”, afirma o diretor acadêmico Wilson Carlos Júnior.

Entre as informações levantadas, a Fundação constatou que 10% dos graduados abriram empresas próprias e que 86,7% estão empregados. “Queremos utilizar esses indicadores para realizar ações de melhoria”, diz. O egresso, por sua vez, tem a chance de rever amigos e ainda fazer contato com outros profissionais que já estão no mercado. Além deles, os alunos matriculados no Colégio Termomecânica, pertencente à Fundação, também participam do evento para solucionar dúvidas e conversar com quem está inserido no mercado de trabalho.

De acordo com Carlos Júnior, os organizadores da iniciativa tiveram de lidar com dois principais desafios. A primeira foi conciliar as agendas e a outra foi contatar todos os egressos – são mais de cinco mil nomes e muitos estavam com os dados desatualizados. Para contornar o problema, foi necessário criar uma força-tarefa envolvendo diversos profissionais da instituição. O resultado do esforço? O encontro mais recente aconteceu em março, reuniu 230 egressos e ainda contou com a palestra do educador e escritor Eugenio Mussak.

“A contribuição dos egressos também pode ser de extrema importância para uma futura oferta de cursos de extensão e pós-graduação”, almeja o diretor. Esse indicador foi fundamental para uma decisão importante da Fundação: ampliar a rede de encontros e integrá-la a um possível programa de Relacionamento com Egressos. “Queremos criar algo maior com o intuito de acompanhá-los mais de perto e investir no networking. Vimos que funciona muito bem”, ressalta. Espaço não vai faltar. Todas os encontros são realizados no Centro Educacional da instituição, uma área com mais de 131 mil m2 localizada em São Bernardo do Campo (SP).

Comentários

comentários

PASSWORD RESET

LOG IN