Brasil e Camarões fazem acordo de intercâmbio

Professores nativos devem vir ensinar a história e cultura africanas

Compartilhe
, / 1054 0


O governo brasileiro assinou, no dia 11 de abril, acordos de cooperação na Educação com a República de Camarões que prevêem o intercâmbio de professores de história e literatura africana, com a permissão para que os africanos possam lecionar em universidades brasileiras. Outro objetivo é estabelecer vínculos preferenciais de cooperação científica, pedagógica e cultural nas áreas de arqueologia, psicologia, filosofia, sociologia e antropologia.



Os acordos têm vigência de cinco anos e poderão ser renovados depois deste prazo. A viagem contou com a participação do ministro interino da Educação, o secretário executivo do Ministério da Educação (MEC) Fernando Haddad, e do presidente da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Ensino Superior (Capes/MEC), Jorge Guimarães.


(Fonte: MEC)

Comentários

comentários

PASSWORD RESET

LOG IN