Aparelhos apreendidos pela Receita são distribuidos para escolas carentes

O MEC já entregou 28 mil produtos e espera decisão judicial para doar mais 200 mil

Compartilhe
, / 790 0




Redação





O Ministério da Educação (MEC) começa a distribuir às escolas aparelhos eletro-eletrônicos apreendidos pela Receita Federal por meio do
Programa Extraordinário Promoção Escolar (Pepe)

, criado no final de 2003. O objetivo é melhorar as condições de ensino das instituições mais carentes e providenciar equipamentos para o uso coletivo nas escolas.


 


Prioritariamente, as primeiras escolas a receberem os aparelhos são as públicas rurais de primeira a quarta séries, com 51 a 150 alunos, e depois as pré-escolas públicas, rurais e urbanas.


 


O MEC distribui atualmente 35 mil aparelhos para as comunidades menos privilegiadas no interior do Brasil, para fins pedagógicos, didáticos, educacionais e culturais. Até o início de março foram contempladas 28 mil escolas em mais de 2 mil municípios. Espera-se que todos os equipamentos sejam entregues até o final deste mês. O MEC aguarda os trâmites jurídicos para a liberação de mais 200 mil produtos já apreendidos e que serão doados para as escolas do ensino fundamental.

Comentários

comentários

PASSWORD RESET

LOG IN