Mais da metade dos jovens acompanhados pelo SUS se alimentam mal

Segundo pesquisa do Ministério da Saúde, em São Paulo, o quadro sobe para 60%

Compartilhe
, / 418 0

Dados do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional (SISVAN), do Ministério da Saúde, apontam que, em 2017, 55% dos adolescentes acompanhados pelo Sistema Único de Saúde (SUS) consumiam alimentos industrializados regularmente, como macarrão instantâneo e salgadinho de pacote.

qualidade da alimentação dos adolescentes

Foto: Pexels

O Sul do Brasil é a região em que esses jovens se alimentam pior, cerca de 59%. Já o Norte possui o menor percentual, cerca de 47%.

Alimentação dos adolescentes por estados

Em São Paulo, 60% dos jovens que recebem atenção básica do SUS têm alimentação inadequada regularmente. Santa Catarina possui tem 59% dos jovens se alimentando de industrializados. No Acre a porcentagem é de 40%.

Os números servem de alerta para quadros de obesidade entre jovens. Segundo o Ministério da Saúde, é necessário investir em uma alimentação adequada e saudável na infância e adolescência, uma vez que adolescentes com obesidade aos 19 anos têm 89% de chance de ser obeso aos 35 anos.

Leia também:

Antropóloga ressignifica conceito de analfabetismo no país

Comentários

comentários

PASSWORD RESET

LOG IN